Próximas oficinas ico-calendario

17 a 26 de abril/2017 – 18h30-21h30
Empresarial RioMar Trade Center – RECIFE, PE
Torre A – Sala 512
Aulas: segunda, terça e quarta.
Valor: R$ 360 à vista ou R$ 420 no cartão (3x)
Certificado de participação. Carga-horária: 18 horas.


Informações:

(81) 4042-9981 / (81) 9-9363-9779 / (11) 3280-4139
Para depósito ou transferência, envie um e-mail.


CIDADE



A Oficina de Jornalismo Político é voltada a profissionais e estudantes que queiram conhecer o mercado, os bastidores, os conflitos éticos, os dilemas da cobertura política e das campanhas eleitorais, além de aprender a buscar novas pautas para reportagens mais precisas e informativas.

As aulas expõem de forma aberta e objetiva desde o cotidiano dos jornais à coordenação de campanhas, passando pelo marketing eleitoral, as manipulações da imprensa e até mesmo o uso de jornalismo de dados aplicado na política.

Próximas oficinas ico-calendario

13 a 22 de março/2017 – 18h30-21h30
Empresarial RioMar Trade Center – RECIFE, PE
Torre A – Sala 512
Aulas: segunda, terça e quarta.
Valor: R$ 360 à vista ou R$ 420 no cartão (3x)
Certificado de participação. Carga-horária: 18 horas.


Informações:

(81) 4042-9981 / (81) 9-9363-9779 / (11) 3280-4139
Para depósito ou transferência, envie um e-mail.


CIDADE



A oficina de Jornalismo de Precisão da Paradox Zero vai lhe mostrar como encontrar e produzir conteúdo mais qualificado, verificar seus dados com técnicas científicas de investigação, além de usar o melhor da tecnologia a favor de apurações mais rigorosas e informações de qualidade.

O conteúdo tem foco em banco de dados, investigação e técnicas avançadas de apuração usando a informática. São conhecimentos especializados que podem mudar radicalmente seus métodos de trabalho ou abrir um novo horizonte de atuação no mercado.

A oficina é voltada a profissionais, estudantes e interessados em jornalismo, ciência da comunicação, inteligência corporativa, análise e verificação de conteúdo. Para participar, não é preciso ter conhecimentos técnicos. Ao final do curso, há certificado de participação.

Próximas oficinas ico-calendario

2.outubro a 12.outubro/2017 – 18h30-21h30
Empresarial RioMar Trade Center – RECIFE, PE
Torre A – Sala 2301
Aulas: segunda, terça e quarta.
Valor: R$ 360 à vista ou R$ 420 no cartão (3x)
Certificado de participação. Carga-horária: 18 horas.


Informações:

(81) 4042-9981 / (81) 9-9363-9779 / (11) 3280-4139
Para depósito ou transferência, envie um e-mail.


CIDADE



Os bons profissionais de social media são aqueles que conseguem pensar estrategicamente. E é impossível falar em estratégia sem o conhecimento técnico de como funcionam as redes.

Por isso que a Oficina de Redes Sociais e Conteúdo da Paradox Zero não é uma oficina de jornalismo, mas um treinamento multidisciplinar que envolve comunicação, marketing, gestão e conteúdo.

Vamos lhe mostrar como colocar a rede social para trabalhar para você e como as ferramentas funcionam de dentro para fora: desde as linhas de código ao resultado das ações de sucesso, interpretando e analisando o engajamento e a correta leitura de métricas.

Inscrições

Faça a pré-inscrição agora e garanta sua vaga.

Os campos marcados com * são obrigatórios.

Investimento: R$ 360,00

Para pagar com cartão ou Paypal, clique no botão abaixo. Para outras formas de pagamento (transferência, depósito, dinheiro) entre em contato conosco por e-mail ou telefone. Bolsistas ProUni, confira as regras para concorrer.

×

Conteúdo do curso

Aula 1: Reportagem Política em Pernambuco e no Brasil

O dia a dia nas redações, a setorização, a cobertura na Câmara e Assembleia, Congresso Nacional e Poder Judiciário.

Aula 2: A ética no jornalismo político

Pressão política, os grupos de interesse, o interesse público e privado, colunismo político, relações de amizade e credibilidade.

Aula 3: Responsabilidade e credibilidade

Formação de opinião, tecnologia na política, o papel social da reportagem política, a transparência na cobertura e as pautas escondidas.

Aula 4: Eleições e campanhas

Cotidiano de uma campanha, as eleições locais e nacionais, atribuições e responsabilidades.

Aula 5: Assessoria política e um novo modelo para redações

Assessoria parlamentar e assessoria política, gerenciamento de crises, redes socias, blogs e revistas, novos modelos para um jornalismo político.

Aula 6: Memória política

O nascimento dos principais partidos políticos, a redemocratização e a eleição de 89, a História como fonte inesgotável.

Aula 7: Debate e exercícios finais

Correção e debate sobre o exercício passado em sala, projetos de jornalismo político para o futuro e revisão final.

×

Sobre o instrutor

Paulo Rebêlo é diretor da Paradox Zero. Mestre em Políticas Públicas pela Central European University (2007) e mestre em Gestão e Inovação de Mídia pela Berlin University for Professional Studies (2015). Tem 19 anos de atuação em jornalismo e 23 em tecnologia, com passagem pelas redações de Pernambuco (Jornal do Commercio, Diario de Pernambuco e Folha de Pernambuco) em funções e períodos diversos desde 1997. Foi correspondente no Brasil da Wired, The Inquirer, Scidev; correspondente no Leste Europeu e no Canadá para Folha de S. Paulo. Correspondente e colaborador para Carta Capital, Jornal do Brasil, Universo Online; editor e colunista em veículos como Terra, Webinsider, Sebrae e Backstage; editor, coordenador e estrategista em eleições nacionais e regionais em Brasília, São Paulo e Recife. Mais informações: rebelo.org

×

Depoimentos

  • Marina Afonso, jornalista

    “Esse foi meu primeiro contato com jornalismo político, que é uma área que muitos profissionais até gostam, mas ainda não sabem ainda o manejo do segmento. Para mim foi como uma porta de entrada muito bem introduzida e enriquecedora. Gostei muito da didática do professor na transmissão do conteúdo e compartilhamento de cases”.

    Marina Afonso, jornalista

  • Ana Roberta Amorim, jornalista

    “O curso de Jornalismo Político, na Paradox Zero, superou minhas expectativas por diversos motivos, mas o principal foi por ter abordado de forma prática, objetiva e realista o dia-a-dia não só do jornalista que trabalha com política, mas o de toda a redação, além das assessorias de imprensa. Foram tratados muitos assuntos que, acredito, não teria visto na faculdade. As ótimas dicas e o fato de terem poucas pessoas na sala, o que propiciava quase um ambiente de conversa e troca de experiências, foram outros pontos positivos que me fez indicar para amigos e já me programar para os próximos cursos oferecidos pela Paradox”.

    Ana Roberta Amorim, jornalista

  • Marina Lima, jornalista

    “Posso dizer que adorei fazer o curso de Jornalismo Político. Com um conteúdo diferenciado e bastante produtivo, me proporcionou técnicas fundamentais para o um melhor desempenho profissional”.

    Marina Lima, jornalista

  • Anderson Patricio, estudante

    “Além do conteúdo focado no jornalismo politico em si, chamou a minha atenção o conteúdo riquíssimo de bastidores e de curiosidades do meio politico. Também achei muito interessante a questão dos bastidores de uma redação de jornal, com isso pude ampliar meu campo de visão em relação à política e ao jornalismo em si. Superou minhas expectativas”.

    Anderson Patricio, estudante

  • Silvannir Jaques, jornalista

    “O curso superou minhas expectativas. Os professores possuem vasto conhecimento técnico e metodológico, além da bagagem de experiências pessoais. As aulas transcorrem de maneira tão agradável que não vemos a hora passar”.

    Silvannir Jaques, jornalista

  • Lais Reis, jornalista

    “O curso de jornalismo político oferecido pela Paradox não poderia exceder mais as minhas expectativas. A quantidade e a qualidade do conteúdo que é passado, aliadas a todo o suporte da equipe, realmente tornam o curso imprescindível. Vale cada centavo”.

    Lais Reis, jornalista

  • Danielle Diniz, jornalista

    “Achei o curso muito aproveitável. O conteúdo é bom e os instrutores conhecem bem o assunto”.

    Danielle Diniz, jornalista

  • Luna Markman, jornalista

    “O curso é muito bom para quem tem experiência na cobertura política, porque mostra outras possibilidades de pautas, para sair do lugar-comum, e dá uma boa ideia para quem está começando, orientando sobre mercado de trabalho e prática jornalística. Vale a pena!”.

    Luna Markman, jornalista

  • Afonso Bezerra, estudante de jornalismo da Unicap

    “O curso foi excelente. As aulas contemplavam diretamente duas vertentes do jornalismo político: a atuação nas redações, orientando para a compreensão dos processos políticos, cuidados na hora da apuração e o cotidiano dos jornais na cobertura política, e o papel das assessorias de comunicação no ambiente político, no dia-a-dia dos gabinetes e durante as campanhas eleitorais. Com um clima leve e bem objetivo, o curso atendeu todas as minhas expectativas”.

    Afonso Bezerra, estudante de jornalismo da Unicap

  • Leticia Jaques

    “Com o curso da Paradox Zero, pude aprofundar os conhecimentos no Jornalismo Político. Enriquece as aulas a vivência do professor com o universo político do jornalismo, os relatos dos bastidores usados como exemplos dentro da sala de aula. Com a conclusão, me sinto mais preparada para seguir atuando na área”.

    Leticia Jaques

  • Myrela Moura, jornalista

    “Gostei muito do curso como um todo e atendeu minhas expectativas muito bem. O que mais chamou minha atenção foram os estudos de caso, que eu considero que fizeram toda a diferença”.

    Myrela Moura, jornalista

  • Pietra Valadares, estudante

    “Os cursos da Paradox Zero são baseados na prática e experiência de seu fundador, o que faz os cursos extremamente práticos e de fácil compreensão. O curso de jornalismo político mostrou, para mim, uma nova percepção dos bastidores da política. Análise e interpretação de dados oficiais, perceber as entrelinhas da informação. O que mudou a minha visão do assunto: jornalismo político não é achismo e opinião pessoal, e sim cruzamento de informações oficiais e de bastidores com apuração pessoal. Depois da experiência proveitosa do primeiro, decidi fazer o segundo curso: Gestão de Redes Rociais. E ainda pretendo fazer outros!”

    Pietra Valadares, estudante

  • Lara Tôrres, estudante de jornalismo

    “Foi ótimo para mim ter feito o curso, ótimo ambiente, clima leve, informações, estudos de caso, curiosidades, noções de história política, ferramentas tecnológicas que ajudam no trabalho e dicas sobre a conduta do jornalista para fazer um bom trabalho e ter credibilidade. Fazer o curso chamou minha atenção para muitas coisas que eu demoraria para aprender na faculdade e também para muitas que aposto que apenas a experiência me ensinaria, e foi muito bom para mim que isso tenha ocorrido logo no início da minha formação”.

    Lara Tôrres, estudante de jornalismo

  • Tayza Lima, jornalista

    “Para quem gosta de política, ou para quem quer conhecer melhor o mercado, o curso ajuda a entender como funciona o meio e a construir pautas mais cidadãs. Recomendo”.

    Tayza Lima, jornalista

  • Gerson Douglas, estudante de Jornalismo

    “O curso superou as minhas expectativas. Com uma metodologia agradável de ensino, pude ampliar os meus conhecimentos sobre o jornalismo político. Só tenho a agradecer e parabenizar a Paradox Zero pelo excelente curso fornecido aos seus alunos”.

    Gerson Douglas, estudante de Jornalismo

×

Inscrições

Faça a pré-inscrição agora e garanta sua vaga.

Os campos marcados com * são obrigatórios.

Investimento: R$ 360,00

Para pagar com cartão ou Paypal, clique no botão abaixo. Para outras formas de pagamento (transferência, depósito, dinheiro) entre em contato conosco por e-mail ou telefone. Bolsistas ProUni, confira as regras para concorrer.

×

Conteúdo do curso

• Fundamentos de CAR (Computer Assisted Reporting)
• Gestão e organização de fontes e contatos
• Aplicação de linguagem binária em Comunicação
• Criação de banco de dados para uso corporativo
• Aplicação de métodos de banco de dados para verificação
• Indexação de conteúdo e verificação
• Metadados: o que são e como trabalhar com eles
• Engenharia Social e Comunicação
• Verificação de fotografias e imagens
• Verificação da integridade de documentos
• Proteção de dossiês e arquivos confidenciais
• Novas fontes de informação
• Verificação de domínios, sites e blogs

×

Sobre o instrutor

Paulo Rebêlo é diretor da Paradox Zero. Mestre em Políticas Públicas pela Central European University (2007) e mestre em Gestão e Inovação de Mídia pela Berlin University for Professional Studies (2015). Tem 19 anos de atuação em jornalismo e 23 em tecnologia, com passagem pelas redações de Pernambuco (Jornal do Commercio, Diario de Pernambuco e Folha de Pernambuco) em funções e períodos diversos desde 1997. Foi correspondente no Brasil da Wired, The Inquirer, Scidev; correspondente no Leste Europeu e no Canadá para Folha de S. Paulo. Correspondente e colaborador para Carta Capital, Jornal do Brasil, Universo Online; editor e colunista em veículos como Terra, Webinsider, Sebrae e Backstage; editor, coordenador e estrategista em eleições nacionais e regionais em Brasília, São Paulo e Recife. Mais informações: rebelo.org

×

Depoimentos

  • Ana Macário, jornalista

    “Jornalismo de Precisão é o tema que falta a todo jornalista que ainda não viu nenhuma abordagem sobre o assunto. É fazer jornalismo com responsabilidade quanto a verificação de informações e dados corretos. Me ajudou muito e aprendi pontos sobre tecnologias que facilitam a vida tanto do jornalista quanto dos veículos de comunicação. Aprendemos a fazer verificação de dados e sair do achismo.”

    Ana Macário, jornalista

  • Larissa Correia, jornalista

    “A facilidade no acesso a informações exige na mesma medida que as pessoas estejam habilitadas a ‘depurá-las’, interpretá-las e dar-lhes os melhores usos – como a formatação de um banco de dados eficiente e funcional. Além de uma nova qualificação, o curso Jornalismo de Precisão me auxiliará na aplicação de processos do tipo no planejamento e execução das minhas atividades profissionais e até outras áreas de conhecimento. A oficina superou expectativas e mostrou-se imprescindível pelo que foi discutido nas aulas e pelo material complementar enviado pelo especialista Paulo Rebêlo. Em tempos nos quais a manipulação de argumentos chega a níveis excepcionais, destaque para a abordagem didática sobre uma verificação competente na conferência da autenticidade de conteúdos e a relevância de investimentos permanentes em segurança digital.”

    Larissa Correia, jornalista

  • Penélope Araújo, jornalista

    “A oficina foi muito além das minhas expectativas. À primeira vista, o nome do curso parece meio técnico, mas ao longo das aulas fica bastante claro que o conteúdo é totalmente aplicável ao jornalismo hard news que estamos acostumados a fazer. Existe uma série de metodologias que tornam o trabalho do jornalista mais fácil e ágil, mas a área ainda não conseguiu compreender isso — e o curso é um ótimo pontapé para quem quer entender e aprender a usufruir da internet. Muito bom!”

    Penélope Araújo, jornalista

  • Flora Leite, jornalista

    “O curso de Jornalismo de Precisão traz conhecimentos essenciais para que o jornalista possa realizar seu trabalho com segurança e qualidade, dentro e fora da internet. Confesso que me surpreendi com os exemplos de aplicações práticas. As técnicas ensinadas servem tanto para o dia a dia em assessoria de imprensa quanto para redações de meios de comunicação. Para mim, foi uma experiência bastante útil”.

    Flora Leite, jornalista

  • Vitor Tavares, jornalista

    “Nos deparamos com o computador e a internet em praticamente todas as atividades que exercemos atualmente. O que nos falta, entretanto, é potencializar e saber usar todos os instrumentos que estão à disposição. E é exatamente esse o grande lance do curso: saber quais truques podemos ter ao nosso alcance para facilitar a atividade profissional, no caso a de jornalista”.

    Vitor Tavares, jornalista

  • Lorena Aquino, jornalista

    “O curso foi excelente para mostrar que existe muito mais a ser feito na fase de apuração do que nós estamos acostumados a pôr em prática diariamente. Conhecemos diversas ferramentas de verificação, banco de dados e checagem – tudo visivelmente aplicável ao dia a dia, nada abstrato. Bem prático e elucidativo. São três horas por dia que você nem nota que passam. Além disso, grande parte dos tópicos podem se relacionar com a nossa própria vivência de jornalista. Foi, portanto, um ótimo lugar para se debater também a profissão e relacioná-la com o aprendizado. Valeu muito a pena.”

    Lorena Aquino, jornalista

  • Mariana Lopes, jornalista

    “Um curso de alta produtividade e conhecimento. Super recomendo! O professor é muito atencioso e suas dúvidas sempre respondidas além das respostas. Muito bom mesmo!”

    Mariana Lopes, jornalista

  • Katherine Coutinho, jornalista

    “Com a quantidade de informação que temos todos os dias, é difícil conseguir filtrar. Encontrar um meio de pensar melhor essa informação, um método que te ajude a ter uma apuração melhor, faz toda a diferença. O curso de Jornalismo de Precisão ajuda a organizar sua cabeça e programá-la para analisar diferente as situações, buscando fugir do lugar comum e levando de volta a informação de melhor qualidade ao leitor”.

    Katherine Coutinho, jornalista

  • Débora Soares, jornalista

    “O curso foi bastante esclarecedor. Confesso que assim que me inscrevi, pensei que podia ser muito técnico e pouco aplicável no jornalismo, mas pelo contrário. Sempre que mostrava uma ferramenta nova, o instrutor explicava como poderíamos utilizá-la para facilitar a apuração de pautas e também mostrava exemplos de como elas já foram aplicadas. Já pude utilizar algumas dicas, como checagem de foto e também a atualização de site de banco de dados, enriquecendo minhas pesquisas”.

    Débora Soares, jornalista

  • Nicácia Souza, estudante

    “O curso de jornalismo de precisão foi de suma importância para mim, ajudou a esclarecer dúvidas que eu tinha sobre técnicas avançadas de busca e checagem de dados. Favorecendo assim, meu desempenho profissional e contribuindo positivamente para pesquisas do meu dia a dia. O instrutor Paulo Rebêlo foi bastante atencioso, esclarecendo todas as nossas dúvidas e curiosidades”.

    Nicácia Souza, estudante

[/one_half]

×

Inscrições

Faça a pré-inscrição agora e garanta sua vaga.

Os campos marcados com * são obrigatórios.

Investimento: R$ 360,00

Para pagar com cartão ou Paypal, clique no botão abaixo. Para outras formas de pagamento (transferência, depósito, dinheiro) entre em contato conosco por e-mail ou telefone. Bolsistas ProUni, confira as regras para concorrer.

×

Conteúdo do curso

  • As principais redes sociais e seus objetivos
  • Perfis e usuários: quem são e onde estão
  • O que é monitoramento e para quê serve
  • Quando o monitoramento não funciona
  • O papel do conteúdo e o conteúdo no papel
  • Comportamento do usuário X comportamento do consumidor
  • Ações em rede: identificação, interação e engajamento
  • Monetização: a publicidade em redes sociais
  • Criação e gerenciamento de anúncios
  • Aprenda a ler e interpretar corretamente as métricas
  • Estatísticas e estratégias
  • Como montar um plano de ação para as redes sociais
  • O que as agências não querem lhe contar
×

Sobre o instrutor

Paulo Rebêlo é diretor da Paradox Zero. Mestre em Políticas Públicas pela Central European University (2007) e mestre em Gestão e Inovação de Mídia pela Berlin University for Professional Studies (2015). Tem 19 anos de atuação em jornalismo e 23 em tecnologia, com passagem pelas redações de Pernambuco (Jornal do Commercio, Diario de Pernambuco e Folha de Pernambuco) em funções e períodos diversos desde 1997. Foi correspondente no Brasil da Wired, The Inquirer, Scidev; correspondente no Leste Europeu e no Canadá para Folha de S. Paulo. Correspondente e colaborador para Carta Capital, Jornal do Brasil, Universo Online; editor e colunista em veículos como Terra, Webinsider, Sebrae e Backstage; editor, coordenador e estrategista em eleições nacionais e regionais em Brasília, São Paulo e Recife. Mais informações: rebelo.org

×

Depoimentos


  • Daniel Leal, jornalista“O curso de Gestão de Redes Sociais foi uma experiência excelente para mim. Abriu-me a mente para uma série de situações para as quais era inocente no mundo digital. Fakes, na verdade, podem ter funções muito além das mais simples que imaginamos. Paulo Rebelo é massa. Indico demais os dias e o investimento”
    .

    Daniel Leal, jornalista


  • Anay Nascimento, jornalista“O curso ajudou a me reinserir no mercado do qual eu tinha me distanciado, me fornecendo não apenas uma visão atual, mas também um olhar estratégico das redes sociais. As aulas nos ajudam a formular um plano de negócios que nos permita avaliar os resultados efetivos do nosso trabalho. Adorei”
    !

    Anay Nascimento, jornalista

  • Myrela Moura, jornalista“Já tinha ouvido falar bem do curso e pretendia fazer. Gostei muito, principalmente dos exemplos e estudos de casos. O curso trouxe muitas informações novas, que eu nem imaginava. Rebêlo também tem uma boa metodologia e sempre dá espaço para conversas sobre os assuntos abordados e troca de experiências. Foi uma oportunidade muito rica”.

    Myrela Moura, jornalista

  • Celso Calheiros, jornalista e empresário“Jornalista há décadas, sempre próximo de assuntos de tecnologia e usuário das redes sociais, de quase todas, somente depois do curso “Gestão de redes sociais e conteúdo” tive uma compreensão mais ampla do funcionamento das grandes empresas de mídia social, informações estratégicas sobre como anunciar e como acompanhar o alcance que os anúncios estão tendo. Recomendo com ênfase, em especial, para quem quer enveredar para o ramo da administração de perfil, páginas e gestão de publicidade em mídias sociais. A dica é válida para pequenos, médios e grandes empreendimentos na área”.

    Celso Calheiros, jornalista e empresário

  • Felipe_Salgado, jornalista“A oficina promovida pela Paradox Zero vai além das gestão de conteúdo em redes sociais e nos mostra a dimensão que a comunicação e seus atores desempenham neste início de século. Um debate amplo, completo, bem estruturado e sobretudo atraente para os profissionais da área. Já estou utilizando em meus trabalhos as ferramentas “escondidas” que foram apresentadas e os resultados começam a aparecer”.

    Felipe Salgado, jornalista

  • Paula Lourenço, Chefe de Gabinete“A oficina de gestão de redes sociais promovida pela Paradox Zero é um pacote completo: aborda o planejamento, a estratégia, a prática e a aferição de resultados, trazendo um panorama das redes sociais e exemplos práticos para contextualizar as aulas. Já fiz outros cursos de redes sociais e de métricas, sem dúvida, este foi o melhor. Parabéns a Paulo Rebêlo pela competência na condução das aulas, pelo didatismo e pela disponibilidade em nos ajudar a aperfeiçoar nosso trabalho. Abraços e sucesso!”

    Paula Lourenço, Chefe de Gabinete

  • “Ser usuário de mídias sociais é bem diferente de gerenciá-las. O curso da ParadoxZero deixa clara essa diferença ao trazer uma abordagem abrangente sobre o assunto, com exemplos práticos que mostram o potencial de cada uma das redes e a forma mais eficiente de conseguir retorno com elas. É o meu segundo curso na empresa e recomendo demais”.

    Roberta Rêgo, jornalista

  • Amanda Tavares de Melo, jornalista“Gostei muito e aprendi várias informações que vão além do conhecimento superficial em redes sociais. Acho interessante salientar que o curso tem uma orientação essencialmente voltada para a atuação no mercado, com uma visão pragmática, objetiva e direta dos temas discutidos. Gostei, particularmente, das técnicas para aumentar o alcance dos posts em cada rede e da explicação detalhada sobre os Facebook Ads. As discussões em sala também são bem legais e deixam as aulas sempre dinâmicas e participativas. Recomendo a todos que trabalham com redes sociais e até mesmo aos entusiastas que querem ter informações de qualidade e relevância sobre elas”.

    Amanda Tavares de Melo, jornalista

  • Márcia Santos, jornalista, empresária e empreendedora“A oficina de redes sociais proporcionou uma nova perspectiva sobre essas ferramentas de trabalho, superando minhas expectativas. O conteúdo foi além da comunicação, passou pelo marketing e empreendedorismo. Agora me sinto segura para trabalhar com redes sociais de forma estratégica, otimizada e produtiva, não só nos segmentos de comunicação, mas também dos negócios”.

    Márcia Santos, jornalista, empresária e empreendedora

  • Monaliza Brito, jornalista“Fui agradavelmente surpreendida com o conteúdo do curso que aborda não apenas questões técnicas, mas também nos mostra de maneira muito honesta os bastidores do planejamento de redes sociais, nos preparando para pensar a comunicação de maneira mais estratégica. Uma das melhores relações custo x benefício que encontrei em cursos de curta duração de redes sociais. Conteúdo muito completo”.

    Monaliza Brito, jornalista

  • Raíssa Nascimento, jornalista“Em uma semana de curso aprendi conhecimentos técnicos e visão de mercado que durante os quatro anos de graduação e os dois anos de mestrado (ambos em Jornalismo) não tinha nem sequer ouvido falar nas universidades em que estudei. Rebêlo possui domínio do conteúdo e transparência ao ensinar combinações perfeitas para o aprendizado. As aulas são interativas e o conhecimento transmitido lhe surpreende sendo possível aplicá-los integralmente em seu cotidiano profissional”.

    Raíssa Nascimento, jornalista

  • Arline Lins, jornalista“O curso, na verdade, foi além de atender às minhas expectativas. No Jornalismo é fundamental viajar entre os campos do conhecimento para estar informado e informando. O caso das Redes Sociais é ainda mais notável na nossa profissão porque dialoga diretamente com o presente e o que podemos esperar para o futuro dela. As aulas foram engrandecedoras. Acredito que a proposta da Paradox Zero enaltece a capacidade do profissional da melhor forma possível: transmitindo conhecimento”.

    Arline Lins, jornalista

  • Ana Laura Farias, jornalista“O curso é excelente, pensado com cuidado em todos os detalhes. Rebêlo tem muito domínio na área e traz exemplos riquíssimos e interessantes, que ajudam a prender a atenção e despertar para novas ideias. Recomendo a todos, com certeza”.

    Ana Laura Farias, jornalista

  • Juliana Preto, jornalista“O que mais gostei no curso de Gestão em Redes Sociais é que ele aborda todos os aspectos – desde a parte teórica até a parte prática. O curso é bastante interessante tanto para quem não entende muita coisa quanto para quem já tem pequenas noções de como trabalhar com redes sociais. No meu caso, já havia administrado algumas páginas, mas após o curso tenho mais bagagem e segurança para fazer um trabalho ainda melhor”.

    Juliana Preto, jornalista

  • Wanderley Andrade, jornalista“No curso da Paradox Zero, aprendi a olhar de forma diferente para as redes sociais, principalmente para o Facebook. Sem dúvida, o conhecimento que adquiri será de grande valia na administração de fanpages, no intuito de obter melhores resultados”.

    Wanderley Andrade, jornalista

  • Andreza Vasconcelos, jornalista“O curso é bem interessante. Além de trazer dados fresquinhos, temos uma noção exata do que o mercado pede com cases atualizados”.

    Andreza Vasconcelos, jornalista

  • Maurício Penedo, gestor em comunicação“O curso é extremamente rico, e nos dá uma visão super abrangente sobre uma ferramenta que todos pensamos saber usar e trabalhar ao máximo, o que no curso se prova um pensamento errado. Recomendo a todos, não apenas jornalistas, mas quem esteja na área de comunicação em geral”.

    Maurício Penedo, gestor em comunicação

  • Ramon_Andrade“A oficina de Gestão de Redes Sociais e Conteúdo da Paradox Zero me norteou em uma nova área de trabalho. Com um clima descontraído, as aulas mostram como fazer as redes sociais jogarem a seu favor. Para iniciantes, uma grande oportunidade de conhecer ferramentas importantes e boas estratégias de mídia online. Agora, me sinto mais confiante para trabalhar com gestão e monitoramento de maneira adequada”.

    Ramon Andrade, jornalista

  • “O conteúdo e as discussões são bem interessantes. Tudo é apresentado de forma crítica, por quem parece não apenas entender mas também trabalhar e pesquisar um bocado sobre o universo digital. Um ótimo primeiro passo pra quem atuar na área mas ainda precisa de um empurrãozinho no campo do conhecimento… 😉 “.

    Sílvia Leitão, jornalista e empresária

  • “Muito legal. Tanto que, ao final do último dia, estávamos curtindo tanto que fomos ficando, ficando… Objetivo e leve. Recomendo. :)”.

    Benira Maia, jornalista

  • Penélope Araújo, jornalista“O curso me surpreendeu com o conteúdo e mudou completamente minha visão sobre as redes sociais. As discussões críticas sobre a gestão e o uso das mídias são muito boas, mas a abordagem prática para quem já trabalha na área é melhor ainda. A oficina reúne informações, dicas e exemplos valiosos, tanto para quem usa as redes sociais quanto para quem as gerencia”.

    Penélope Araújo, jornalista

  • Bruna Cruz, jornalista e coordenadora de atendimento“O curso de Gestão de Redes Sociais da Paradox Zero foi o mais diferenciado em termos de conteúdo e de metodologia que já participei. Com foco no mercado e na prática do profissional de jornalismo, abre os horizontes para quem deseja atuar na gestão de conteúdo de redes sociais de forma estratégica e diferenciada”.

    Bruna Cruz, jornalista e coordenadora de atendimento

  • Beatriz Albuquerque, jornalista“o curso de Gestão de Redes Sociais e Conteúdo da Paradox Zero transporta o nosso olhar para um novo campo de visão, no qual precisamos levar em consideração as questões de mercado. Além de ampliar o horizonte do jornalista, contribui com a prática profissional ao repassar de forma detalhada uma série de técnicas necessárias para aumentar o alcance do conteúdo produzido. A metodologia utilizada no curso, com explicações teóricas e análises de casos concretos, facilita o processo de aprendizado. Aprovo e recomendo”!

    Beatriz Albuquerque, jornalista

  • Débora Duque, jornalista“Me surpreendi positivamente com o conteúdo e a abordagem do curso. Já havia feito cursos de gestão de rede sociais antes, mas todos tinham um foco mais no uso técnico das ferramentas. Já o curso da Paradox proporciona discussões sobre o conteúdo, o uso que fazemos das redes sociais e nosso papel como gestor. Dá uma visão de mercado, sem deixar de fomentar a reflexão, o debate. Recomendo muito”.

    Débora Duque, jornalista

  • Carlos Braga, jornalista e comissário de voo“Esse curso me fez abrir os olhos para o que realmente significa, na minha área, conteúdo para mídias sociais. Até então, para mim, um simples post já bastava para que pudesse gerir uma página. Ledo engano. Aprendi que posso ser o “Osama”, no sentido bom, das redes sociais e “bombardear” uma page de ótimos conteúdos seguindo uma análise profissional criteriosa”.

    Carlos Braga, jornalista e comissário de voo

  • Pietra Valadares, estudante“Os cursos da Paradox Zero são baseados na prática e experiência de seu fundador, o que torna tudo extremamente prático e de fácil compreensão. O conhecimento de redes sociais consolidado pelo mercado, e pela maioria dos jornalistas, tem distorções que nada tem de real. Aplicativos e programas são fundamentais para a função, além do conhecimento de seu público alvo. E todos os passos necessários foram ensinados no curso de noções de mercado a estudos de caso de sucesso e erros desastrosos nas redes sociais. Posso dizer que estou pronta para uma nova profissão baseada na qualidade de informações oferecidas pelo curso. Recomendo os cursos, estão aprovadíssimos”.

    Pietra Valadares, estudante

×

Inscrições

Faça a pré-inscrição agora e garanta sua vaga.

Os campos marcados com * são obrigatórios.

Investimento: R$ 250,00

Para pagar com cartão ou Paypal, clique no botão abaixo. Para outras formas de pagamento (transferência, depósito, dinheiro) entre em contato conosco por e-mail ou telefone. Bolsistas ProUni, confira as regras para concorrer.

×

Conteúdo do curso

Módulo 1 (telejornalismo)

  • Como nasce a reportagem audiovisual
  • Produção, reportagem e ancoragem
  • Fontes e produtos no telejornalismo
  • Audiência, público-alvo, critérios de notícia, infotainment
  • Como construir uma boa pauta
  • Construindo uma narrativa audiovisual
  • O texto na linguagem audiovisual
  • Modelos de abre, personagem, cenário, problema.
  • Narrativa objetiva x aprofundada
  • Desafios do “ao vivo”
  • Construção de repertório
  • Como minimizar as falhas
  • Postura

 

Módulo 2 (radiojornalismo)

  • A linguagem radiofônica
  • Gêneros radiofônicos
  • O texto no rádio
  • Narrativa para Rádio
  • Valores-notícia
  • O som ambiente como notícia
  • Edição e novos gêneros (podcasts, webrádios)
  • Como construir uma webrádio gratuita

 

×

Sobre a instrutora

Karoline_FernandesKaroline Fernandes, jornalista, tem especialização em Ciências Políticas pela Unicap e mestrado em Comunicação pela UFPE. É repórter do núcleo de telejornalismo da Rede TV! e repórter-colaboradora do programa online O Grito FM. Ao longo dos últimos 11 anos, atuou em diversas frentes no jornalismo, principalmente na função de repórter e âncora, com passagens pela TV Band News, Rádio Jornal, CBN, JC News, TV Jornal e Jornal do Commercio. Já conquistou 11 prêmios de jornalismo e uma menção honrosa no concurso Tim Lopes de Jornalismo Investigativo. Também atuou como docente na UniNassau, ministrando disciplinas de Legislação e Ética na Comunicação Social, Técnicas de Entrevista e Reportagem, Técnicas de Comunicação Dirigida e Radiojornalismo.

×

Depoimentos

  • Marina Afonso, jornalista

    “O curso foi muito esclarecedor e nos colocou mais perto da realidade da produção e montagem de matérias para rádio e TV. Ter praticado com alguém que está inserida nesse mercado do jornalismo é ainda mais enriquecedor. Gostei muito da prática da TV e saber que para fazer um podcast ou até mesmo uma webrádio não é preciso muita grana, basta organização e vontade. Obrigada à Paradox por sempre promover módulos criativos e importantes na formação do jornalismo contemporâneo e a Karoline Fernandes, pela dedicação na transmissão do conteúdo”.

    Marina Afonso, jornalista

  • Diogo Cavalcante, estudante

    “A instrutora aborda de forma impecável os meandros da reportagem audiovisual, em todos seus detalhes e novidades. Vale muito a pena tanto para quem já está no mercado, considerando que há dicas de atualização para os novos tempos, sobre as formas de produzir conteúdo, como para estudantes, já que ajuda a mergulhar ainda mais nesse segmento”.

    Diogo Cavalcante, estudante

  • Valdézio Júnior, estudante

    “Os assuntos abordados foram excelentes, devido ao próprio tema do curso. O que mais gostei foi dos treinos práticos, mas a fragmentação de como se faz uma reportagem também foi legal para pegar cada detalhe”.

    Valdézio Júnior, estudante

×

Inscrições

Faça a pré-inscrição agora e garanta sua vaga.

Os campos marcados com * são obrigatórios.

Investimento: R$ 600,00

Para pagar com cartão ou Paypal, clique no botão abaixo. Para outras formas de pagamento (transferência, depósito, dinheiro) entre em contato conosco por e-mail ou telefone. Bolsistas ProUni, confira as regras para concorrer.





×

Conteúdo do curso

• Cuidados universais
• Papel vs Tela // Caneta vs Teclado
• O design da escrita
• Como usar a gramática (na prática)
• Galicismos textuais
• O problema dos pronomes, artigos e adjetivos
• Queísmos
• Lógica linguística
• Diferentes tipos de texto
• Literatura x Reportagem x Opinião
• Webwriting
• Produção de conteúdo
• Exercícios, exercícios e mais exercícios

×

Sobre o instrutor

Paulo Rebêlo é diretor da Paradox Zero. Mestre em Políticas Públicas pela Central European University (2007) e mestre em Gestão e Inovação de Mídia pela Berlin University for Professional Studies (2015). Tem 19 anos de atuação em jornalismo e 23 em tecnologia, com passagem pelas redações de Pernambuco (Jornal do Commercio, Diario de Pernambuco e Folha de Pernambuco) em funções e períodos diversos desde 1997. Foi correspondente no Brasil da Wired, The Inquirer, Scidev; correspondente no Leste Europeu e no Canadá para Folha de S. Paulo. Correspondente e colaborador para Carta Capital, Jornal do Brasil, Universo Online; editor e colunista em veículos como Terra, Webinsider, Sebrae e Backstage; editor, coordenador e estrategista em eleições nacionais e regionais em Brasília, São Paulo e Recife. Mais informações: rebelo.org

×

Depoimentos

×