China com Alibaba: missão comercial e redes sociais em Shanghai e Hanghzou

Você já parou para pensar quanto custa levar uma mensagem ou produto até o público que realmente se interessa por ele? Aquele público com a maior inclinação a aderir ao seu projeto. Aquele público que só precisa de um link e uma ação rápida e objetiva de conversão, tecnicamente sem falhas, para efetuar uma compra?

Não adianta quebrar a cabeça e tentar calcular. Porque não tem preço. Quando as empresas — pequenas e grandes — entendem quão valioso é esse tipo de ação em redes sociais e web, todo o custo desaparece e se transforma em investimento com retorno garantido. Com paciência e precisão.

E ninguém melhor do que os chineses para entender de paciência, certo? Os chineses ganharam o mundo do e-commerce e o Grupo Alibaba (você já comprou no AliExpress? É deles!) já lucra mais do que a Amazon e o Ebay juntas. Mas ainda não conseguiram replicar na América Latina o que fizeram na Ásia, África e em boa parte da Europa.

Queremos ajudá-los. E pela segunda vez nos últimos dois anos, a Paradox Zero é uma das empresas convidadas que desembarcam na China para representar o Brasil em atividades de exportação no mercado de TIC (Tecnologia da Informação e Comunicação) durante o mês de novembro de 2018.

Com outras 87 empresas brasileiras selecionadas pela Apex-Brasil e pelo Governo Chinês, vamos mostrar um pouco do que temos feito até agora durante a China International Import Expo (CIIE) em Shanghai, no stand de exportação de serviços em TIC. Um pouco antes, faremos parte da comitiva de apenas 20 empresas brasileiras convidadas pelo próprio Grupo Alibaba a participar de uma semana de treinamentos e atividades voltadas ao mercado B2B e B2C na China, na sede do grupo em Hanghzou.

Você vai poder acompanhar um pouco das duas missões pelo nosso site ou página no Facebook. E se quiser olhar como foi nossa primeira incursão em 2016, leia a notícia publicada na época.

O que estamos levando à China?

Levamos apenas o conhecimento e experiência que nossos clientes nos ajudaram a conquistar nos últimos anos. Vindos de uma pequena agência, com uma pequena (porém brilhante) equipe de 10 pessoas que pensam diariamente na integração real e sem achismos entre marketing, publicidade e comunicação tendo a tecnologia como norte de todas as ações.

Somente em 2017, movimentamos mais de R$ 300 mil em verbas publicitárias para redes sociais de nossos clientes, resultando em mais de 15 milhões de pessoas alcançadas e 200 mil novos seguidores conquistados. Em 2018, nossas projeções mostram que fecharemos o ano com o dobro de investimento em verbas publicitárias de clientes.

Seu conteúdo sem tecnologia não vai a lugar algum.

Porque a própria tecnologia não deixa. A mesma tecnologia que cria e gerencia algoritmos, equações e monitoramentos em toda sua vida digital. Você não vai conseguir quebrar modelos matemáticos e nem modelos de negócios estabelecidos apenas porque seu conteúdo é bom. Não precisa falar chinês, nem inglês, mas precisa falar linguagem binária. Das máquinas e das mentes consumidoras.

A fronteira da Ásia é a terceira etapa do nosso pequeno processo de internacionalização de serviços, aliando-se a alguns clientes nos EUA e União Europeia que já confiam nos resultados verificáveis da Paradox Zero e em nossa infraestrutura de sites e servidores de alta performance, soluções em banco de dados, interfaces web e sistemas integrados de conteúdo.

Xie Xie!