Análise de deputados estaduais e federais de Pernambuco no Facebook – novembro/2017

Na última edição do ParlaFacebook de 2017, a Paradox Zero atualiza os dados do levantamento, trazendo informações do intervalo entre julho e novembro deste ano. A análise das fanpages dos deputados estaduais e federais de Pernambuco baseia o recorte lançado estemês.

Desde 2014, a agência divulga gratuitamente infográficos e análises sobre a convergência entre política e tecnologia. O ranking ParlaFacebook acompanha o desempenho das páginas do Facebook de diversos políticos.

Deputados estaduais

Rodrigo Novaes (PSD), Priscila Krause (DEM) e pastor Cleiton Collins (PP) continuam bombando entre os deputados estaduais no Facebook. O novo estudo de popularidade da Paradox Zero coloca os três na dianteira: Rodrigo com 114,8 mil, Priscila com 86,3 mil seguidores e Cleiton Collins com 66,9 mil.

No TOP 10 dos deputados estaduais, Silvio Costa Filho (PRB) teve o melhor desempenho. Em julho, somava 34,3 mil seguidores e estava na nona posição. Em novembro, ganhou cinco posições e está em quarto lugar com 53,5 mil.

Pedro Serafim Neto (PDT) teve o maior crescimento, com variação positiva de 237,5%, mas continua falando para poucas pesssoas: passou de 516 para 1,7 mil seguidores. Na prática, Pedro Serafim continua sem falar para (quase) ninguém.

Sete deputados caíram no ranking. A variação negativa vai de -0,19% (Ricardo Costa, do PMDB) a -0,84% (Lucas Ramos, do PSB). Os demais que perderam seguidores são José Humberto Cavalcanti (PTB), Tony Gel (PMDB), Gustavo Negromonte (PMDB), Dr. Valdi (PP) e Júlio Cavalcanti (PTB).

Jadeval de Lima (PDT) e José Humberto Cavalcanti (PTB) entraram no ranking negativo dos 10 deputados com menos seguidores. Eles somam 4,2 mil e 3,3 mil seguidores, respectivamente. Guilherme Uchôa fez pior: deixou de atualizar a fanpage e está usando apenas o perfil pessoal, contrariando as próprias regras do Facebook.

Mulheres e partidos

As mulheres continuam tomando conta. Laura Gomes (PSB), Roberta Arraes (PSB) e Socorro Pimentel (PSL) subiram no ranking. Laura agora é a 16ª colocada entre os 49 deputados da Alepe, com 20,3 mil seguidores. No último levantamento da Paradox Zero, contava com 14,3 mil seguidores. Roberta ganhou 4 posições, tendo passado do 24º (12,5 mil seguidores) para 20º lugar (15 mil). Socorro Pimentel, que tinha 12,3 mil e era a 26ª colocada, agora tem 14,4 mil e está em 22º.

Com 12 parlamentares, a bancada do PSB alcança 203,4 mil pessoas – e Vinícius Labanca é quem tem mais seguidores, com 50,6 mil. Na outra ponta, o PTC, com apenas um deputado, soma 1,8 mil seguidores.

O PSOL e seu único deputado na Alepe, Edilson Silva, soma 48 mil seguidores. É mais gente que a bancada completa do PT, que continua sem entender como funciona uma rede social (e talvez a internet). Os três deputados do partido, juntos, falam para apenas 40,5 mil pessoas.

Deputados federais

Silvio Costa (PTdoB), recém-eleito o melhor deputado federal de Pernambuco pelo site Congresso em Foco, também vai muito bem no Facebook, para surpresa de muita gente. Entre julho e novembro, subiu três posições no ranking de total de seguidores, passando de 30,2 mil para 46,7 mil. Silvio Costa agora é terceiro lugar geral. Daniel Coelho (PSDB, 181,7 mil seguidores) e Luciana Santos (PCdoB, 106,5 mil) continuam nas primeiras posições.

Quem também subiu no ranking e deixou a “zona de rebaixamento” foi Wolney Queiroz (PDT). Em julho, com 6,9 mil seguidores, ele ocupava a 20ª posição, mas agora soma 20,5 mil e ocupa a posição 12 no ranking.

Quatro deputados perderam seguidores no Facebook. A variação negativa vai de -0,13% (Eduardo da Fonte, PP) a -0,85% (Marinaldo Rosendo, PSB). Os demais que não cresceram são Adalberto Cavalcanti (PTB) e Carlos Eduardo Cadoca (PDT).

Graças exclusivamente a Daniel Coelho e seus 181,7 mil seguidores, o PSDB é o partido com mais seguidores no Facebook entre os deputados federais.

Deputados federais licenciados

Entre os quatro deputados federais pernambucanos licenciados que atualmente são ministros no governo Michel Temer, três deles perderam seguidores no Facebook entre julho e novembro. Ministro da Educação, Mendonça Filho (DEM) foi quem mais caiu, tendo passado de 224,4 mil em julho para 221,7 em novembro – queda de -1,19%.

Bruno Araújo (PSDB), titular no Ministério das Cidades, sofreu queda de -0,87%, saindo de 157,9 mil para 156,5 mil. Raul Jungmann (PPS), ministro da Defesa, caiu de 88,1 mil para 87,8 mil, redução de -0,35%. O único que cresceu no período foi Fernando Coelho Filho (PSB), ministro de Minas e Energias, que ganhou 1,35% novos seguidores.